Na Índia, fotos das íris fazem parte do documento de identidade

A Revista Veja dessa semana traz uma curiosa reportagem. A Índia monta o mais ambicioso banco de dados pessoais do planeta e, embora o texto discorra sobre a situação atual do país e sobre os benefícios que o cadastramento da população terá, principalmente na economia, outro fato me chamou a atenção.

Até agora, 200 milhões de pessoas já se cadastraram para ter suas impressões digitais, fotografias e íris (sim! eles estão tirando fotos das íris de todos!) registradas num banco de dados. O objetivo é que cada habitante tenha um documento de identificação. A expectativa é que, até o fim do ano, 600 milhões de indianos tenham aderido ao programa.

A Revista Veja fala também que não há duas íris iguais! Milhões de cidadãos terão um documento de identidade pela primeira vez!

Achei o máximo!