Óleos essenciais e resultados cientificamente comprovados

Eu costumo falar que óleos essenciais são remédios naturais com ação – na saúde física, mental e emocional – cientificamente comprovada. Existem muitas (muiiiiitas!) publicações comprovando a eficácia dos óleos essenciais com ações digestivas, antissépticas, expectorantes, sedativas, calmantes e analgésicas, por exemplo.

E hoje, o post é para falar sobre algumas pesquisas que já comprovaram: SIM! ÓLEOS ESSENCIAIS SÃO MARAVILHOSOS (comece a usar o quanto antes!).

Todos as pesquisas são referenciadas no livro “Base da química dos óleos essenciais e aromaterapia” da Adriana Nunes Wolffenbüttel (comprei o livro esse mês e já tem me ajudado muito em meus estudos. Indico!).

Então, vamos lá:

  • O óleo essencial de Tea Trea (Melaleuca alternifolia) possui forte ação antimicrobiana. É indicado para enxagues bucais (em interagentes com candidíase oral), em óleo de coco na região de pequenos e grandes lábios (para quem tem candidíase vaginal), em gel para o rosto (casos de acne) ou no pé (pé de atleta e frieira). É um antisséptico para ulcerações cutâneas em geral.
  • O óleo essencial de Tomilho (Thymus vulgaris) tem ação antibacteriana. Enxagues bucais com esse óleo essencial, em comparação com ativos sintéticos, são mais eficazes para eliminar placas e gengivites. 
  • Aromatização dos óleos essenciais de lavanda (Lavandula officinais) e alecrim (Rosmarinus officinalis) se mostrou eficaz em ambientes com crianças com TDAH. Tal sinergia aumenta o estado de relaxamento por indução da atividade do lobo frontal esquerdo cerebral, melhora do estado de satisfação e humor, aumento do estado de alerta, melhora da concentração e memória. 
  • Redução de ansiedade e estresse em pacientes em hemodiálise após a inalação do óleo essencial de lavanda (Lavandula officinais).
  • Aromatização do óleo essencial de lavanda (Lavandula officinais) nos quartos de pacientes com Alzheimer ou demência vascular – melhora o quadro relativo à memória, diminuição da agitação e violência.
  • Lavanda (Lavandula officinais) e Tea Trea (Melaleuca alternifolia) em óleo vegetal em pacientes com ressecamento anormal da pele (decorrente de hemodiálise): aumenta a hidratação e diminui a coceira.
  • No trabalho de parto: Salvia Sclarea melhora as contrações e a dilatação espontânea; Mentha piperita reduz náusea a vômito; Lavandula officinalis e Boswellia carterii (olíbano) diminuem a dor, medo e ansiedade;
  • O óleo essencial de lavanda (Lavandula officinais) diminui o estresse.
  • O gengibre (Zingiber officinalis) no pós operatório diminui náusea  e vômito.
  • Óleos essenciais com ação antidepressiva cientificamente comprovada (pesquisa realizada com 4 gotas de óleo essencial em 15ml de óleo vegetal, em aplicações quinzenais de 40 minutos durante 12 semanas): bergamota, camomila romana, gerânio, jasmim, lavanda, limão, rosa, sávia sclarea e sândalo.

Não é sensacional? O mundo da aromaterapia é amplo e nos ajuda muito1

Clicando aqui você tem um vídeo sobre COMO COMEÇAR A USAR ÓLEOS ESSENCIAIS e aqui um vídeo sobre os CUIDADOS que você deve ter.

Aproveite! O mundo da aromaterapia é lindo e nos auxilia muito!

Com carinho,